Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Dia De Uma Pessoa Simples

Quase toda a gente, deseja uma vida de luxo para ser feliz. Eu não quero nada disso

Quase toda a gente, deseja uma vida de luxo para ser feliz. Eu não quero nada disso

O Dia De Uma Pessoa Simples

07
Fev18

Cheirar os livros - Quarta-feira - 07/02/2018

Bruno Mendes

     O que é cheirar os livros?

     Os livros falam connosco, para eu ter prazer em ler um livro,  tenho de olhar para ele, senti-lo, folhear as paginas, cheira-lo e tem de me dizer,

     - Leva-me contigo.

     Já comprei livros pela Internet, porque conhecia os autores, ao porque tinha tocado neles em algum sitio.

     Quando vou comprar um livro a uma loja, normalmente já sei quais são os que mais me interessam, mas a maior parte das vezes saio sempre com aquele que nem conhecia.

     Numa loja cheia de livros, acontece-me quando vejo um livro e penso,

     - É este que vou levar, está a falar comigo.

     É dai que vem o prazer da leitura, porque estamos ler aquilo que queremos, não o que dizem para leremos.

     - O que são as criticas?

     Na minha opinião, são como eu gostar de hambúrgueres e tu não. Cada um vai interpretar a história, baseado-se na sua experiência de vida e a maneira como a vive, por exemplo um toxicodependente vai entender uma historia sobre drogas de uma maneira diferente de alguém que nunca esteve no mundo da droga. Não existem criticas boas ou más, existem pontos de vista diferentes.

     Eu posso estar a escrever estas palavras, e tu entenderes de maneira completamente diferente ao que eu quero transmitir.

     É a magia dos livros, imaginar-mos situações, locais, personagens e muito mais, durante três ou quatro dias, estamos dentro daquela historia, imaginando como será e até criando algumas vezes coisas que não vem narradas.

     Estou a ler um livro, que se passa na Índia, num bairro de lata junto ao aeroporto de Bombaim. Conheço muito pouco deste local, mas imagino como será pela forma que a historia é contada e imagino a minha maneira.

     Num filme, somos bombardeados em hora e meia com imagens e sons, onde tudo nos é entregue sem nos esforçarmos muito a nível intelectual e que no dia a seguir já nos esquecemos de tudo, nos livros isso não acontece. 

     É como comer um Big Mac a pressa ou deliciar uma bela refeição.

 

     António Lobo Antunes, hoje na televisão disse mais ou menos assim,

     - Não perguntes a um escritor como se escreve, pois arte da escrita está em como cada um escreve.

 

 

      E é isto, até sexta-feira

 

ESTREIAS CINEMA

Trailer
Trailer

Mais sobre mim

A LER

<

ACABADO DE LER

LIVRO RECOMENDADO

Excelente livro. Foi a primeira obra que li deste autor, mas agarrou-me até ao fim. Uma excelente ligação entre as personagens, a vida como ela é.

STAR WARS

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

  •  
  • Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D